20 de nov de 2009

Preciso Voltar



Hoje 2 e 42 da manhã, estava vendo um filme. O nome do filme era "Hora de Voltar". Era um filme meio besta e tal, meio monótono, mas o título falou comigo. E cheguei à conclusão que preciso voltar, voltar a ser cristão, ser fiel, mais precisamente, ser exemplo dos fiéis (1 Tim. 4.2).javascript:void(0)
Acho que fui radical demais, tentei me desviar da religiosidade e alcançar a essência, mas acabei me afastando dos ensinamentos bíblicos! Criei uma nova religiosidade, uma só pra mim e mergulheeei.

Minha bíblia... Empoeirada, só é, ou melhor, só era aberta aos cultos de domingo. Oração, só na igreja, orar antes de dormir? Nada disso, é religiosidade, "Temos que orar porque queremos e não por costume." e nada de orar também...
Todos estavam errados, e eu certo. Quando era eu que quase sempre estava errado à luz da bíblia. Sempre envolvidos em polêmicas e discussões, dissensões. Em casa, na igreja, no futebol...

Paciência? Nenhuma! "Que se exploda todo mundo! Não 'tô' nem aí...". Olhando sempre pro meu umbigo, fui me esquecendo da essência, e ainda cantava... "Estou voltando à essência da adoração..." que nada, só da boca pra fora.
Quando percebi minha situação, me senti um fariseu, pois lá na igreja, minha fama é de bom garoto, de menino de Deus que lê a bíblia, ora, jejua...
Vergonha! Mais um fariseu moderninho, do século 21. E como Jesus disse, naquela época, também diria hoje, "esse povo me honra com os lábios, mais seu coração está longe de mim...".

Me afastei da pureza, e preciso voltar.
Voltar a ser como de fato uma vez fui. Exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, no amor...
Agora estou de volta, vou voltar a andar na direção correta. Acho que essa é a vontade de Deus para esses dias. Por esses dias um amigo me falou sobre isso e nem dei muita importância, mas é isso que Deus quer, ou melhor, é isso que Deus espera de mim, e de você também!
Decidi e estou aqui, não quero mais fingir... Preciso voltar!

Sugestão de musica:
Preciso Voltar (Oficina G3)
Essência da Adoração (David Quinlan)
Venha (Vineyard Music)

Nenhum comentário:

Postar um comentário